Saúde das unhas

Lindas, grandes e enfeitadas. É assim que se encontra a maioria das unhas das brasileiras. A brasileira tem, por vaidade, cuidar das unhas e isto inclui lixá-las, pintá-las e trata-las com cuidado sempre que possível. É comum, inclusive, ver salões de beleza lotados aos finais de semana, pois até mesmo a mulher moderna gosta de se cuidar quando tem tempo.

Mas não basta cuidar da parte estética das unhas. Assim como nossos cabelos, elas demandam mais cuidados que simplesmente enfeites. Estes cuidados vão desde a limpeza até evitar certos tratamentos estéticos.

Cutícula

Apesar de ser comum no Brasil a remoção das cutículas (aquela pelinha que fica na base superior da unha), especialistas em saúde recomendam não retirá-la por completo. As cutículas somente existem como forma de defesa para o corpo humano. Sua presença evita o contato da parte interior da pele com o mundo exterior e isto evita o contato com doenças infectocontagiosas. É recomendado que se reduza as cutículas, mas que não sejam retiradas por completo.

Esterilizar sempre

Toda ferramenta utilizada no procedimento de “fazer as unhas” deve ser esterilizada. É comum quando há mais de uma mulher em uma casa ocorrer o compartilhamento de utensílios como alicates, palitos e etc. Entretanto, este compartilhamento não é nada recomendado. Existem doenças que podem ser transmitidas pelo simples contato com utensílios infectados, como micoses. Portanto, se não puder evitar que seus utensílios sejam utilizados por outra pessoa, esterilize sempre antes de usá-los.

O bonito pode sair caro

Você com certeza já ouviu falar de unhas de gel, porcelana ou postiças, não é mesmo? Elas são lindas e práticas, mas poucas pessoas sabem o perigo que escondem. As unhas não naturais, por serem coladas na unha natural, podem impedir o contato desta com o ar e causar o enfraquecimento da mesma. Não é recomendado o uso deste tipo de artifício com frequência ou por um longo período de tempo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *